Atirantamento

Difere-se da técnica do grampeamento por ser uma estrutura de estabilização ativa de massas de solo e/ou maciços rochosos, executada através da perfuração, introdução do tirante, injeção e posterior protensão dos tirantes. A estabilidade da massa de solo e/ou maciço rochoso é assim garantida através das tensões induzidas no contato solo-face. 

Pode ser empregada para estabilização de taludes naturais ou de cortes ou ainda associada a cortina de estacas na contenção de subsolos.

ENTRE EM CONTATO

    1. Enviar